Placa Eu coração poços de caldas
Brasil,  Poços de Caldas

Descubra o que fazer em 3 dias de viagem a Poços de Caldas, MG

Muito procurada para imersão em suas famosas águas termais, Poços de Caldas, localizada na região sul de Minas Gerais, é uma cidade onde o turista consegue visitar em um fim de semana ou, para aproveitar mais um pouquinho, em três dias no mínimo. Isso porque as principais atrações são bem centrais e de fácil acesso. 

Nesse post, vamos te mostrar os pontos turísticos mais conhecidos que encantam turistas de várias partes do Brasil. Então, vamos lá. Conferir o que fazer em três dias de viagem a Poços de Caldas?. 

Entrada da cidade

Mas antes, uma dica sobre quando viajar

Pela sua localização, fundada entre algumas montanhas, Poços é uma cidade bem fria no inverno, os termômetros chegam a perto de 0ºC. Durante o restante do ano, a temperatura média é de 17ºC. Então, o charme está no friozinho, e para quem gosta, os meses de maio a agosto são bons para usar bastante casacos e não correr risco com chuva. 

Reserve seu hotel com a menor tarifa, acessando aqui!

1º dia: Parque José Affonso Junqueira e Praça Pedro Sanches 

Poços de Caldas têm vários pontos turísticos para visitar e até admirar no Centro. Dá para desbravar a maioria em um passeio a pé, mas se você estiver com crianças ou têm dificuldades de locomoção, não tem problema. É só pegar uma charrete, trenzinho ou jardineira, elas ficam entorno do Parque José Affonso Junqueira, que já é um dos grandes cartões postais de Poços de Caldas. Esse parque é uma opção para conhecer, dar uma volta e respirar o ar puro que as árvores proporcionam. Ah, e, claro, registrar fotos nas belas fontes e chafarizes e em uma locomotiva antiga estacionada no parque. No local, existem brinquedos em madeira para a criançada se divertir.  

Aproveite que já está no parque e faça um passeio de teleférico, com uma paisagem privilegiada da cidade e que leva ao Cristo Redentor, isso mesmo, uma réplica da estátua mais famosa no Brasil e conhecida no mundo todo. As cabines são fechadas, cabem quatro pessoas, mas se você tiver medo de altura ou tiver alguma dificuldade que o impeça de fazer esse passeio, não se preocupe, é só chamar um táxi ou uber para visitar o monumento e o mirante que apontam para a cidade toda. 

teleférico

Seguindo para a região mais central, acrescente ao seu roteiro a Praça Pedro Sanches, outro ponto turístico de Poços de Caldas. Com um cenário todo colorido por flores encantadoras, árvores e banquinhos, dá para sentar e admirar toda a natureza. Esse é um lugar que as crianças vão amar correr, brincar e aproveitar o clima familiar. Nessa praça do século 20, os turistas também encontram o Monumento Minas ao Brasil, um coreto charmoso, além de apresentações artísticas. 

É por ali que você vai poder conhecer também o Palace Cassino e Palace Hotel, duas construções antigas, que lembram um período importante na história do país. No Palace Hotel se hospedavam grandes nomes da sociedade brasileira para frequentar o cassino e as termas. Já já vamos falar mais desse banho relaxante que você também precisa fazer nessa viagem.

Como estamos falando de uma região bem no coração de Poços de Caldas, temos ótimas opções de hotéis para você e sua família passarem dias incríveis na cidade mineira. 

2º dia: Banho nas termas, Fonte Pedro Botelho, Calendário Floral e Fonte dos Macacos

No segundo dia, conheça as Thermas Antonio Carlos, além da construção antiga, que já é mais um atrativo, você vai poder se banhar nas águas sulfurosas hidrotermais. Além dos banhos, o turista pode escolher por duchas, saunas, massagens, tratamentos faciais, manicure/pedicure, depilação, terapias holísticas, medicina oriental e mais. Cada serviço têm uma duração própria e todos precisam ser agendados. Mas você já sabe que a gente prepara tudo para você, né? 

Ali pertinho, bem ao lado das Thermas, têm a Fonte Pedro Botelho com águas dos tipos alcalina, bicarbonatada, sulfetada e hipertermal com temperaturas que chegam a 45ºC. É permitido que os visitantes bebam das águas que têm diversos benefícios medicinais.

Praça central

Continuando o passeio, siga para o Calendário das Flores, formada por diversas espécies da flora, com acabamento de jardinagem, pedrinhas e placas de cimento. Você vai poder registrar uma foto mostrando a data, o dia da semana e a estação do ano. É uma gracinha e a atualização é diária. 

Para encerrar, visite também a Fonte dos Macacos, outro local onde jorram águas termais, só que do chão. Legal né? Essa fonte fica um pouquinho mais distante dos outros pontos, mas vale a pena reservar esse tempinho para uma das fontes mais procuradas na cidade para ingestão e lavagem de várias partes do corpo. 

3º dia: Museu Geográfico, Relógio Floral, Café Concerto e Mercado Municipal 

Para o último dia de viagem a Poços de Caldas, reservamos história, dois passeios no mesmo espaço e um lugar para fazer aquelas comprinhas básicas. 

Começamos pelo Museu Geográfico, com uma proposta de apresentar toda a formação da cidade no sul de Minas com acervo dos primeiros moradores do município. Um tour pela mansão Villa Junqueira com móveis, fotografias e diversos objetos. 

De lá, seguiremos para o Relógio Floral outro cantinho moldado pela natureza com toque artístico de um jardineiro. Bem parecido com o Calendário Floral, aqui você vai encontrar ponteiros motorizados marcando a hora atual.

Para aproveitar a proximidade, uma pausa no Café Concerto, um lugarzinho bem no meio do jardim, é uma opção para apreciar a paisagem, uma boa cartela de bebidas quentes e geladas e comidinhas gostosas. 

Finalizando o dia, o Mercado Municipal é parada obrigatória para quem quer comprar os famosos doces e queijos de Minas, além de outras iguarias. 

Nas suas noites, não deixe de visitar dois restaurantes muito recomendados: Ollivia Gastronomia, um espaço que serve massas muito elogiadas em um ambiente rústico  muito aconchegante e com espaço kids. Fica a dica, o risoto de gorgonzola de lá é de comer de joelhos, uma verdadeira delícia.

Outra opção é a Casa Minerva com um espaço sofisticado, oferece um cardápio variado, que vai de caldos a fondues. Você também pode escolher por uma variada cartela de vinhos. 

Vamos para Poços de Caldas?

Poços têm muito mais para encantar os turistas como cachoeiras, jardim japonês, feiras e outros restaurantes incríveis. Quer um roteiro personalizado com outras atrações? Nós preparamos tudo para você e ainda ganha muitos mimos. 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *